CNTE E UNCME/ES CONTRA A POLÍTICA DE MILITARIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO EM MONTANHA/ES

Goiás, Sergipe e agora Espírito Santo… A militarização das escolas está em curso e traz preocupação a todos que defendem a escola pública, gratuita, inclusiva e democrática, que considera a diversidade e as diferentes concepções pedagógicas.

A prefeita Iracy Baltar (DEM /ES) utiliza como argumento a promoção da moral e do civismo entre os alunos para defender a iniciativa. Um equívoco já evidenciado por outras experiências similares.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores de Educação – CNTE e a União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação do Espírito Santo – UNCME/ES divulgaram posicionamentos contrários à política de militarização da educação que está em curso em Montanha/ES.

Leia na íntegra os documentos:
Moção de repúdio da CNTE à Política de Militarização Implementada pela Prefeitura Municipal de Montanha/ES

Nota Pública da UNCME/ES